A inteligência, sem amor, faz-te perverso.
A justiça sem amor, torna-te implacável.
A diplomacia, sem amor, incrementa em ti a hipocrisia.
O êxito, sem amor, faz de ti um arrogante.
A riqueza, sem amor, transforma-te num ambicioso.
A bondade, sem amor, faz-te um servo.
Se tens beleza, sem amor, és ridículo.
A autoridade, sem amor, mergulha-te em tirania.
Se trabalhas, sem amor, és escravo.
A simplicidade, sem amor, deprecia-te.
A oração, sem amor, faz-te num introvertido.
A política, sem amor, deixa-te egoísta.
Se tens fé, sem amor, és fanático.
Terra, sem amor, não dá frutos.
Estudos, sem amor, só te dá um diploma.
A cruz, sem amor, converte-se num calvário.
Uma cadeira de rodas, sem amor, é só uma ajuda técnica…
Mas a mesma, com amor, pode-te dar asas.
A vida, sem amor… não tem sentido.

MFC